Quarta-feira, 22 de Novembro de 2017

Buscar  
Bastos
Publicada em 18/07/17 as 15:30h - 659 visualizações
Bastos é o primeiro município da região a concluir levantamento estratégico agropecuário e rural.

Eng.ºAgr.º Eduardo Yukio Takaki


 (Foto: Anderson Uno )

O município de Bastos foi, dentre os 14 municípios que integram a regional agrícola de Tupã, o primeiro a concluir o Levantamento Cadastral das Unidades de Produção Agropecuária (LUPA), que está sendo realizado pelo governo estadual, por meio da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, e executada pela CATI-Coordenadoria de Assistência Técnica Integral e com o apoio das Prefeituras e algumas entidades locais. A nível regional este levantamento está sendo coordenado pelo Escritório de Desenvolvimento Rural de Tupã (EDR-Tupã), e a nível local o levantamento é coordenado e realizado pela Casa da Agricultura do município.


            O LUPA é um levantamento censitário realizado em todas as propriedades rurais, na qual são coletados dados sobre diversas áreas do setor, por meio de entrevista junto ao proprietário, arrendatário, parceiro, funcionário ou outro informante da área.



            Este levantamento é realizado em sua totalidade, ou seja em 100% dos imóveis rurais, estrategicamente no ano agrícola e em intervalos de tempo de cerca de 10 anos. O primeiro levantamento foi realizado em 1995/1996, depois em 2007/2008 e agora em 2016/2017. Desta forma, o LUPA representa uma "fotografia do momento" da agricultura e pecuária, e seus resultados balizam o Estado em políticas públicas, estatísticas agropecuárias, planejamento diversos, fonte de informações sobre extensão e abrangência de explorações agrícolas e pecuárias, tecnologias empregadas, sustentabilidade, agricultura familiar, tendências, dentre outras informações, além de disponibilizar dados gerais e específicos sobre a Agricultura Paulista, de forma dinâmica, regionalizada e organizada à sociedade, seguindo as normas vigentes.



            Ademais, essa coleta de informações está fundamentada na Lei nº 8.510/93, que exige que a Secretaria de Agricultura e Abastecimento mantenha dados sobre área cultivada de todo o Estado, um dos fatos geradores do cálculo para definição do percentual de participação do Município no ICMS-Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços. Daí a grande importância do levantamento junto aos imóveis rurais realizado pela Casa da Agricultura, se cumpra da melhor forma possível e no prazo estipulado, com engajamento e apoio das Prefeituras Municipais, como tem ocorrido nos municípios que já concluíram o levantamento. 



            O município de Bastos concluiu o LUPA no início do mês de maio; Inúbia Paulista no final do mês de maio e Pracinha com previsão de conclusão esta semana. Dos 11 municípios da Regional Tupã que ainda não concluíram o levantamento, 4 estão em fase mais adiantada, com índice de cobertura acima de 60% (Arco-Íris, Lucélia, Sagres e Salmourão) e 7 estão com índice abaixo de 60% (Herculândia, Iacri, Osvaldo Cruz, Parapuã, Queiroz, Rinópolis e Tupã), o que requer união de esforços, replanejamento e comprometimento dos envolvidos, para que se conclua o LUPA dentro do prazo estipulado, que é dia 31/julho.

 

Elaborado pelo Eng.ºAgr.º Eduardo Yukio Takaki

Assistente de Planejamento

Cati Regional de Tupã




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Hora Certa
Parceiros

Fan Page

Colunistas

Coronel Camilo


Raní de Souza

A Desconexão da Criança Com o Mundo da Leitura


Américo Ribeiro Magro

Licitações pública s e o ovo da serpente


Nelson Kobayashi Jr

O FECHAMENTO DA ESCOLA E O LABORATÓRIO QUE CRIOU A DOENÇA E VENDEU A VACINA.


Alexandre Taniguti

Meu melhor natal


(14) 99721 7253

Videos
Festa do ovo - Primeiro dia Entrevistas Festa do ovo 2015 Festa do ovo parte 03
Publicidade Lateral
Evolução - (14) 9 97217253
Copyright (c) 2017 - Sistema Evolução de Comunicação - Todos os direitos reservados